A vedadeira história de Cinderela

 

Essa historia tão conhecida tem muitas versões em muitas culturas diferentes, uma das primeiras versões data de um período antes de Cristo e a versão mais conhecida é a de Charles Perrault adotada e modificada pela Disney, mas também existe uma dos irmãos Grimm é um pouco mais sangrenta:

Diz a lenda que há muito tempo atrás a moça mais bondosa da face da terra faleceu deixando sua jovem filha aos cuidados do velho pai, a bondosa senhora foi enterrada e a jovem menina todos os dias ia rezar no túmulo da mãe, no fim do inverno seu pai se casou de novo com uma senhora maldosa que levou consigo duas filhas de igual maldade, as meninas e madrasta eram muito más com a jovem órfã de mãe e seu pai fingia não ver tais abusos, logo a menina por viver suja com os trabalhos que lhe incumbiam as malvadas foi apelidada de Cinderela.

Cinderela realizava todos os trabalhos da casa sem se queixar, dormia ao lado do velho fogão, vestia roupas sujas e antigas e mesmo assim era mais bela e bondosa do que suas irmãs. Certa vez o homem foi à cidade e perguntou as filhas o que elas queriam que ele trouxesse a mais velha pediu vestidos e sapatos, a do meio exigiu joias e brilhantes e Cinderela pediu apenas um ramo que prendesse nas vestes do pai na volta pra casa, quando voltou o homem distribuiu os presentes, Cinderela pegou seu pequeno raminho, agradeceu ao pai e correu para plantá-lo no túmulo da mãe. O ramo foi plantado e depois regado pelas lágrimas de Cinderela que se queixava ao ramo sua triste vida, eis que a pequena planta transformou-se em uma grande arvore que serviu de abrigo para duas pombas que sempre atendiam aos desejos da jovem Cinderela.

Certa vez o príncipe ofereceu três noites de Baile para procurar por uma esposa, as irmãs de Cinderela ficaram eufóricas e se vestiram com as mais belas roupas e fizeram que Cinderela penteasse seus cabelos a jovem implorou para a madrasta que a deixasse ir, mas a resposta era sempre “não”. Depois de estar sozinha em casa Cinderela foi até o túmulo da mãe e pediu belas roupas para ir ao baile, então as pombinhas lhe trouxeram um belo vestido e sapatos que combinavam. Cinderela vestiu-se e foi para o baile, lá era a mais bela princesa e o príncipe não tinha olhos para outra mulher, entretanto quando se badalava a meia noite Cinderela fugia apressada e voltava a enrolar-se no canto do fogão, esse episódio repetiu-se nos outros dois dias de baile, porem no terceiro dia Cinderela deixou para trás seu pequeno sapatinho de cristal.

No raiar do dia o príncipe anunciou que se casaria com a dona do tal sapatinho e foi à casa de varias moças não encontrando em nenhuma delas sua bela noiva. Quando chegou a casa de Cinderela a irmã mais velha logo se insinuou para experimentar o sapato e vendo que ele não caberia cortou fora seu dedo do pé forçando-o para dentro do sapato e disfarçando a dor o jovem príncipe enganado levou sua noiva, mas ao passar pela arvore as rolinhas o alertaram do sangue que escorria do sapato, ele voltou e fez com que a outra irmã experimentasse o sapato, ela ao perceber que ele não caberia cortou fora seu calcanhar e disfarçou a cara de dor, enquanto era levada para o palácio o príncipe mais uma vez foi alertado pelas pombas sobre o sangue no sapato e voltou fazendo com que Cinderela experimentasse o sapatinho que lhe serviu perfeitamente.

O casamento entre o príncipe e Cinderela seria realizado no castelo e as maldosas irmãs tomaram seu lugar ao lado da jovem noiva, as pombas para castigá-las voaram diretamente para ela e arrancaram seus olhos a bicadas, o castigo das malvadas irmãs foi passar o resto da vida cegas e mancas.

 pontocriticofantasiaerealidade.blogspot
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s